“BNDES precisa fazer em seis meses o que faria em seis anos”, afirma Skaf

Durante evento de comemoração do 65° aniversário do banco, presidente da Fiesp e do Ciesp defende retomada das liberações de crédito

Agência Indusnet Fiesp

Para viabilizar a retomada da economia, “o BNDES precisa fazer em seis meses o que faria em seis anos”, afirmou nesta terça-feira (20 de junho) o presidente da Fiesp e do Ciesp, Paulo Skaf, durante evento no Rio em comemoração ao 65º aniversário do banco. É preciso, disse, que sejam retomadas as liberações de crédito, para investimento e também para capital de giro.

“Alguns setores da indústria caíram 30%”, lembrou Skaf. “Temos que ser realistas. Essas empresas passam por dificuldade e não é por culpa delas. Para retomar crescimento, o que é possível fazer de mais imediato? Crédito”. Segundo o presidente das entidades da indústria paulista, o crédito do BNDES caiu 35% em 2016. “O BNDES estava fazendo caixa. Voltar com essas empresas que estão no sufoco não é uma prioridade? O BNDES precisa fazer em seis meses o que faria em seis anos”, afirmou Skaf.

Para o longo prazo, disse o presidente da Fiesp e do Ciesp, o BNDES precisa dar atenção à nova revolução industrial, com seus novos processos produtivos e tecnologias, estimulando a inovação.

“BNDES precisa fazer em seis meses o que faria em seis anos”, afirma Skaf

Fonte: CIESP

Mais Lidas

IMAGE
A Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria Municipal...
IMAGE
A EDG Equipamentos e Controles está realizando hoje e...
IMAGE
Prezado leitor, Veja os destaques: Economia Brasileira FOCUS: Queda...

Apoio: